05/07/2018 | Última Atualização: 05/07/2018 10:47:48

Agricultura familiar e agroindústria recebem apoio estadual em todo o país

Editoria: Estatísticas Sociais | Subeditoria: Perfil dos Estados Brasileiros

#PraCegoVer imagem de horta orgânica com placa

Em 2017, todos os governos estaduais e do Distrito Federal declararam ter programas ou ações de fomento tanto à agricultura familiar quanto à agroindústria. Em 26 das 27 unidades da federação, também havia programas de incentivo à agricultura orgânica e, em 19, estímulo à produção de hortas comunitárias. Essas informações estão disponíveis no Perfil dos Estados Brasileiros (Estadic) 2017, divulgado hoje pelo IBGE.

#praCegoVer Mapa destacando estados que têm programas de incentivo a hortas comunitárias e agricultura orgânica

É a primeira vez que a pesquisa investiga a gestão da política agropecuária nos estados. A iniciativa tem especial relevância nesse momento em que o IBGE está fazendo a crítica dos dados coletados pelo Censo Agropecuário, conforme ressaltou a gerente da Estadic, Vânia Pacheco: “nossas pesquisas agropecuárias, como o Levantamento Sistemático da Produção Agrícola e as Trimestrais da Pecuária, coletam dados com os informantes e as associações de produtores. O Censo foi a todos os domicílios rurais onde há produção. Já o enfoque deste bloco de análise se refere à administração pública, para ver o que existe em termos de políticas públicas para o setor agropecuário. É uma forma de comparar os dados coletados de duas fontes diferentes sobre o mesmo tema”.

A pesquisa também revelou que a maioria dos estados (16) geria a política agropecuária por meio de secretarias estaduais em conjunto com outras políticas setoriais. Outros dez estados tinham secretaria exclusiva e o Mato Grosso do Sul era o único que fazia uso de órgão da administração indireta.

A Estadic também analisa o perfil dos recursos humanos da administração pública e outros temas relacionados à gestão estadual, como habitação, transporte e meio ambiente.


Repórter: Eduardo Peret
Imagem: Licia Rubinstein/Agência IBGE Notícias
Arte: Marcelo Barroso