Nossos serviços estão apresentando instabilidade no momento. Algumas informações podem não estar disponíveis.

Censo 2022

IBGE abre processo seletivo complementar para 885 vagas de agente censitário

Editoria: IBGE | Caio Belandi

15/06/2022 17h00 | Atualizado em 20/06/2022 09h10

Em novo processo, IBGE irá contratar 262 agentes censitário municipal (ACM) e 623 agentes censitário supervisor (ACS) - Foto: Acervo IBGE

O IBGE divulgou hoje (15) mais um processo seletivo simplificado complementar (PSS) para a contratação temporária de profissionais que trabalharão no Censo 2022. São 262 vagas para Agente Censitário Municipal (ACM) e 623 vagas para Agente Censitário Supervisor (ACS), distribuídas em 679 municípios, em 10 estados. As inscrições começaram na quinta-feira (16) e se encerraram no domingo (19).

As inscrições para o processo devem ser realizadas de forma online, preenchendo o formulário de inscrição no Portal do IBGE, e não há cobrança de taxa. Com exigência de ensino médio completo, a remuneração mensal oferecida é de R$2.100,00 para o ACM e de R$ 1.700 para o ACS, mais auxílio-alimentação e auxílio-transporte.

Minas Gerais é o estado com o maior número de vagas, com 175 oportunidades em 141 municípios. Já a região Sul concentra o maior número: em Santa Catarina, são 162 vagas em 108 municípios, no Rio Grande do Sul, há 142 para 127 municípios, e no Paraná, o total é de 133 vagas em 127 municípios.

O ACM gerencia o trabalho do posto de coleta, enquanto o ACS, subordinado ao ACM, tem como principal função orientar os recenseadores durante a execução dos trabalhos de campo.

A previsão de duração do contrato é de até cinco meses, podendo ser prorrogado. A jornada de trabalho será 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias. Dentre o total de 913 vagas ofertadas no processo, 79 são para Pessoas Pretas ou Pardas (PPP) e 15 para Pessoas com Deficiência (PcD).

Como se inscrever

Para concorrer, o candidato deve preencher, pela internet, o formulário de inscrição. A apresentação da documentação original ou cópia autenticada (identidade e titulação acadêmica) deve ser feita apenas no momento da contratação. A análise dos títulos será classificatória.

Processo complementar

A abertura do PSS complementar para ACM e ACS é uma forma de continuar a seleção iniciada por meio do edital nº 09/2021, visando suprir as vagas das localidades que tiveram a listagem de candidatos aprovados esgotadas e que tenham vagas disponíveis e dos locais com baixo número de aprovados. As contratações serão efetuadas nos termos da Lei 8.745, que permite a admissão de pessoal por tempo determinado a fim de atender a necessidade temporária de excepcional interesse público.