IBGE oferece 35 vagas temporárias para teste de homologação do Censo 2020 em Paulo de Frontin (RJ)

Editoria: IBGE

29/01/2020 09h00 | Última Atualização: 30/01/2020 09h34

São 35 vagas para o município de Engenheiro Paulo de Frontin (RJ), distribuídas entre as funções de Agente Censitário Municipal (ACM), Agente Censitário Supervisor (ACS) e Recenseador, conforme edital de abertura publicado hoje (29). 

As exigências de escolaridade são para os níveis médio e fundamental e a remuneração podem chegar a até R$ 2.100. As provas serão aplicadas no dia 8 de março e a duração do contrato é de até dois meses. As inscrições devem ser feitas no site do Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade), a partir de hoje (29).

O processo seletivo visa à contratação de pessoal temporário para a execução do teste de homologação dos equipamentos que serão utilizados na operação de coleta do Censo Demográfico 2020.

Função Escolaridade Remuneração mensal Taxa de Inscrição Vagas
Agente Censitário Municipal (ACM) Nível Médio R$ 2.100 R$ 42,50 1
Agente Censitário Supervisor (ACS) R$ 1.700 R$ 42,50 4
Recenseador  Nível Fundamental Por produção R$ 25 30

O IBGE publicou hoje (29) o edital de abertura para processo seletivo simplificado visando ao preenchimento de 35 vagas temporárias para o Censo Demográfico 2020 no município de Engenheiro Paulo de Frontin (RJ). As oportunidades são para Agente Censitário Municipal (ACM), com remuneração de R$ 2.100, e Agente Censitário Supervisor (ACS), com remuneração de R$ 1.700, e a seleção será por meio de prova objetiva. As vagas contemplam ainda a função de Recenseador, cuja remuneração é por produção e, além da prova objetiva, os candidatos passarão por uma etapa de treinamento.

Para as duas primeiras funções, a previsão de duração do contrato é de até dois meses. Já para a de Recenseador, é de até um mês. Os contratos terão vigência de 30 dias, podendo ser prorrogados por igual período, de acordo com a necessidade do trabalho e disponibilidade de recursos orçamentários.

A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias, para as funções de ACM e ACS. Para os recenseadores, a jornada de trabalho recomendável é de, no mínimo, 25 horas semanais, além da participação integral e obrigatória no treinamento e do comparecimento obrigatório ao Posto de Coleta nos dias e horários estipulados pela supervisão.

Para concorrer a uma das vagas, é preciso ter, no mínimo, 18 anos na data de contratação e estar em dia com as obrigações eleitorais e militares (no caso de pessoas do sexo masculino), além de possuir aptidão física e mental para o exercício das atribuições. O candidato não pode ter sido contratado pelo IBGE nos últimos 24 meses nem ser sócio-gerente ou administrador de sociedades privadas, inclusive Microempreendedor Individual (MEI). Outros requisitos a serem atendidos, assim como a documentação necessária para a contratação dos aprovados, estão estabelecidos no edital, que deve ser lido atentamente pelos candidatos.

Eventos básicos Datas previstas
Inscrições 29/01 a 05/02/2020
Divulgação dos locais de prova e do Cartão de Confirmação de Inscrição 03/03/2020
Aplicação da prova objetiva 08/03/2020
Divulgação dos gabaritos preliminares da prova objetiva 10/03/2020
Interposição de recursos quanto às questões formuladas e/ou aos gabaritos preliminares divulgados 11/03 a 12/03/2020
Publicação do Gabarito Definitivo e do Resultado Definitivo da Prova Objetiva 20/03/2020
Divulgação do resultado final 20/03/2020
Convocação do Recenseador para o treinamento e Contratação ACM e ACS A partir 23/03/2020

As inscrições devem ser feitas no site do Ibade, das 0h00min do dia 29 de janeiro até às 23h59min do dia 5 de fevereiro. O candidato somente poderá efetuar o pagamento da taxa de inscrição por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU Simples) a ser paga nas agências do Banco do Brasil ou pelo Internet banking do mesmo banco. Pode requerer a isenção da taxa de inscrição o candidato economicamente hipossuficiente que estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e o candidato doador de medula óssea, conforme as regras previstas no edital.

As provas serão realizadas no dia 8 de março, no município de Engenheiro Paulo de Frontin (RJ), das 13h às 17h. O candidato deverá comparecer ao local designado para a realização das provas com antecedência mínima de uma hora. O conteúdo das avaliações está descrito abaixo:

Agente Censitário Municipal (ACM) e Agente Censitário Supervisor (ACS)
Disciplina Questões
01. Língua Portuguesa 15
02. Raciocínio Lógico 10
03. Noções de Administração/ Situações Gerenciais 15
04. Conhecimentos Técnicos 20
Total 60
Recenseador
Disciplina Questões
01. Língua Portuguesa 15
02. Matemática 10
03. Conhecimentos Técnicos 25
Total 50

O candidato aprovado dentro do número de vagas será convocado para contratação conforme a ordem de classificação. A área de Recursos Humanos do IBGE entrará em contato por e-mail, telefone ou correspondência direta (telegrama), conforme dados informados no requerimento de inscrição. Quem for convocado e não comparecer no local e data marcados, ou deixar de apresentar qualquer um dos documentos solicitados, será desclassificado, sendo convocado o candidato seguinte na lista de classificação.

A realização do teste de homologação é fundamental para observação do desempenho dos equipamentos, quando operados em campo. Além disso, é importante e indispensável que as versões finais dos questionários e sistemas sejam testadas e avaliadas após os ajustes implementados a partir das observações feitas no Censo Experimental realizado em Poços de Caldas (MG) nos meses de outubro e novembro de 2019 e da aprovação da lei 13.861/2019 que trata da obrigatoriedade da captação do transtorno do espectro do autismo nas operações censitárias.