Abate de bovinos e suínos têm aumento de 0,4% em relação ao 4° trimestre de 2017, nos resultados preliminares do 4º tri

12/02/2019 09h00 | Atualizado em 15/02/2019 15h56

No 4° trimestre de 2018, o abate de bovinos caiu 2,3% em comparação ao trimestre anterior e cresceu 0,4% em relação ao mesmo período de 2017. O abate de suínos também teve queda em relação ao trimestre anterior (-4,0%) e crescimento na comparação com o mesmo período de 2017 (0,4%). Já o abate de frangos caiu tanto em relação em relação ao trimestre imediatamente anterior (-0,7%), quanto na comparação com o quarto trimestre de 2017 (-0,9%).

A aquisição de leite subiu em comparação ao 3° trimestre de 2018 (7,2%) e em relação ao 4° trimestre de 2017 (2,5%). Já a aquisição de couro caiu 2,1% em relação ao trimestre imediatamente anterior e subiu 2,0% na comparação com o 4° trimestre de 2017. A produção de ovos de galinha foi a maior na série da pesquisa (928,42 milhões de dúzias), representando aumentos de 1,0% sobre o 3° trimestre de 2018 e de 8,2% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Esses resultados são preliminares e somente para Brasil, sem desagregações por unidades da federação. Os primeiros resultados são disponibilizados cerca de um mês antes da divulgação completa, e podem sofrer alterações nas divulgações seguintes.

Abate de bovinos tem aumento de 0,4% em relação ao 4° trimestre de 2017

No 4o trimestre de 2018, foram abatidas 8,09 milhões de cabeças de bovinos, o que representa uma queda de 2,3% em comparação ao trimestre imediatamente anterior e aumento de 0,4% em relação ao 4o trimestre de 2017.

A produção de 2,05 milhões de toneladas de carcaças bovinas no 4o trimestre de 2018 indica redução de 2,7% em relação ao 3º trimestre deste ano e incremento de 0,9% em relação ao 4o trimestre de 2017.

Abate de suínos aumenta 0,4% na comparação anual

No 4o trimestre de 2018, foram abatidas 11,10 milhões de cabeças de suínos, representando queda de 4,0% em relação ao trimestre imediatamente anterior e crescimento de 0,4% na comparação com o mesmo período de 2017.

O peso acumulado das carcaças foi de 970,5 mil toneladas no 4o trimestre de 2018, representando quedas de 6,4% em relação ao trimestre imediatamente anterior e de 1,5% em relação ao mesmo período de 2017.

Abate de frangos tem queda nos dois tipos de comparação

Foram abatidas 1,42 bilhão de cabeças de frangos, no 4o trimestre de 2018. Esse resultado significou queda em relação ao trimestre imediatamente anterior (-0,7%) e ao mesmo período de 2017 (-0,9%).

O peso acumulado das carcaças foi de 3,34 milhões de toneladas no 4o trimestre de 2018. Esse resultado representou retração de 1,3% em relação ao trimestre imediatamente anterior e queda de 0,5% frente ao mesmo período de 2017.

Aquisição de leite totaliza 6,71 bilhões de litros

A aquisição de leite cru feita pelos estabelecimentos que atuam sob algum tipo de inspeção sanitária (federal, estadual ou municipal), no 4o trimestre de 2018, foi de 6,71 bilhões de litros. O valor correspondeu a um aumento de 7,2% em comparação ao volume registrado no 3o trimestre de 2018 e de 2,5% em relação ao 4° trimestre de 2017.

Número de animais abatidos e peso das carcaças de bovinos, suínos e frangos, aquisição de leite cru, aquisição de couro cru e produção de ovos de galinha  -  Brasil - 4º Trimestre de 2018
 Abate de animais, aquisição de leite, aquisição de couro cru e produção de ovos de galinha 2017 2018 2018 Variação (%)
4º Trimestre 3º Trimestre 4º Trimestre 3 / 1 3 / 2 
1 2 3
Número de animais abatidos (mil cabeças)      
Bovinos    8 059   8 279   8 089 0,4 -2,3
Suínos    11 053   11 559   11 095 0,4 -4,0
Frangos   1 429 337  1 426 424  1 416 145 -0,9 -0,7
Peso das carcaças (toneladas)      
Bovinos   2 032 980  2 106 195  2 050 268 0,9 -2,7
Suínos    985 527  1 036 975   970 503 -1,5 -6,4
Frangos  3 352 515  3 378 889  3 335 837 -0,5 -1,3
Leite (mil litros)      
Adquirido (cru)  6 544 702  6 260 378  6 710 493 2,5 7,2
Industrializado  6 539 043  6 251 035  6 695 550 2,4 7,1
Couro (mil unidades)      
Adquirido (cru)   8 748   9 115   8 927 2,0 -2,1
Curtido     8 782    9 056    8 819  0,4  -2,6
Ovos (mil dúzias)      
Produção     858 209   919 473   928 415 8,2 1,0
Fonte: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de Agropecuária, Pesquisa Trimestral do Abate de Animais, Pesquisa Trimestral do Leite, Pesquisa Trimestral do Couro e Produção de Ovos de Galinha. 
Notas:
1. Os dados do 4º trimestre de 2018 são referentes ao primeiros resultados das respectivas pesquisas. 
2. Os primeiros resultados das pesquisas trimestrais da pecuária passaram a ser divulgados a partir do 1º trimestre de 2018 apenas no nível Brasil.  São dados prévios, que podem sofrer alterações até a divulgação dos resultados do trimestre de referência.  
3. Os dados do ano de 2018 são preliminares até a divulgação dos dados do 1º trimestre de 2019.

Aquisição de couro tem aumento de 2,0% em comparação ao 4° tri de 2017

Os curtumes investigados pela Pesquisa Trimestral do Couro declararam ter recebido 8,93 milhões de peças inteiras de couro no 4o trimestre de 2018. Essa quantidade foi 2,1% menor que a registrada no trimestre imediatamente anterior e 2,0% maior que a registrada no 4o trimestre de 2017.

Produção de ovos de galinha é a maior da série histórica

A produção de ovos de galinha foi de 928,42 milhões de dúzias no 4o trimestre de 2018. A quantidade registrada foi a maior na série da pesquisa, representando aumentos de 1,0% sobre o 3° trimestre de 2018, e de 8,2 % em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.