04/10/2017 | Última Atualização: 04/10/2017 12:05:20

Mercado empresarial perde 1,6 milhão de assalariados em 2015

Menos empresas fecharam as portas em 2015, porém, o mercado empresarial perdeu 1,6 milhão de assalariados em relação a 2014. É o que mostra o estudo Demografia das Empresas 2015, divulgado hoje pelo IBGE. Essa foi a primeira vez que houve redução no pessoal assalariado desde 2008, quando se iniciou o estudo.

Em 2015, 713,6 mil empresas fecharam as portas, contra 943,9 mil em 2014. Cerca de 3,8 milhões de empresas sobreviveram de um ano para o outro e 708,6 mil entraram ou voltaram a atividade em 2015. Com isso, o saldo no total de empresas ficou levemente negativo, com cerca de 5 mil empresas ativas a menos do que no ano anterior.

Já o pessoal assalariado caiu 4,5% entre 2014 e 2015, registrando 1,6 milhão de vínculos a menos no mercado empresarial.

“Essa queda se deve principalmente à redução do pessoal assalariado no conjunto de empresas sobreviventes. As empresas que entraram acrescentaram 777,8 mil empregos assalariados e as que saíram levaram 492,1 mil”, destaca Katia Carvalho, responsável pelo estudo.  

Para a pesquisadora, apesar do número de empresas ter ficado relativamente estável em relação a 2014, a perda no pessoal assalariado mostra que 2015 ainda foi um ano de crise para as empresas: “passou a ter efeito no emprego, que ainda não tinha sido impactado. Isso ainda é reflexo da crise”.


Texto: Irene Gomes
Gráfico: Helga Szpiz
Fotografia: Flickr - Flávio Jota de Paula