Nordeste tem maior variação na construção civil 06/09/2017

Editoria: Estatísticas Econômicas Produto: Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil

O Índice Nacional da Construção Civil (SINAPI) apresentou variação de 0,23% em agosto, ficando 0,35% abaixo dos 0,58% registrado em julho. O Nordeste foi a região que apresentou a maior variação mensal (0,56%.), fruto da alta nos materiais de construção em seis estados e reajustes salariais, em especial no Ceará.

“A variação de 0,23% em agosto é justificada pelos recuos apresentados tanto na parcela de material quanto na mão de obra”, explica Augusto Oliveira, pesquisador do IBGE. No entanto, ainda segundo ele, a parcela do índice referente à mão de obra foi menor que a verificada em julho:

“Quando comparamos agosto com o mês anterior, observamos uma diferença quantitativa do número de acordos coletivos homologados. Com isto, a parcela da mão de obra, com bastante peso no índice, não apresenta a mesma influência encontrada em julho”.

Os custos regionais, por metro quadrado foram: R$ 1.052,73 (Norte); R$ 978,98 (Nordeste); R$ 1.103,71 (Sudeste); R$ 1.098,62 (Sul) e R$ 1.058,04 (Centro-Oeste).

Texto: Marcelo Benedicto
Imagem: Pixabay