Reajustes salariais impactaram nos preços da construção civil 09/08/2017

Editoria: Estatísticas Econômicas Produto: Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil

O Índice Nacional da Construção Civil (SINAPI) apresentou variação de 0,58% em julho, ficando 0,20% acima dos 0,38% registrado em junho. O fator que mais influenciou nesse resultado foi o reajuste salarial dos trabalhadores que atuam no setor.

Segundo Augusto Oliveira, pesquisador do IBGE, a mão de obra empregada na construção é representada por nove categorias profissionais que, juntas, são responsáveis por cerca de 45% do custo total de uma obra: “No mês de julho tivemos o maior número de estados com reajustes salariais no ano, que somados representam 25% custo médio nacional”

O Rio de Janeiro foi o estado com a mais elevada variação mensal do SINAPI (3,03%), local onde os reajustes salariais também estavam previstos em convenções coletivas. “Então, o aumento do índice em estados, como o Rio de janeiro, tem sua origem na captação conjunta da alta em todas as [nove] categorias profissionais em um mesmo período”, ressalta o pesquisador.


Texto
: Marcelo Benedicto
imagem: Pixabay